A Adega Muf’s trabalha com os mais conceituados revendedores de bebidas em Curitiba. Confira nosso catálogo de produtos e solicite seu orçamento.

Categorias

Aprenda harmonizar vinhos: 4 formas para você aproveitar!

Aprenda harmonizar vinhos: 4 formas para você aproveitar!

Aprenda harmonizar vinhos de uma forma bem simples e direta. Nosso objetivo não é te formar um especialista de harmonização de vinhos, afinal de contas, existem cursos específicos para isso.

Nosso objetivo é que você aprenda harmonizar aqueles vinhos que você já conhece e adora. De forma que você consiga aumentar o prazer durante a degustação. Ou seja, que aproveite ao máximo suas refeições acompanhadas de um sofisticado vinho.

Gostou da nossa proposta? Então fique até o final deste artigo e aprenda 4 formas de harmonizar vinhos de um modo simples, rápido e objetivo. Vamos lá!

Conhecendo Perfis de Sabor

Os perfis de sabor possuem uma combinação simples, no entanto, não é sempre tão fácil de conseguir. Mas vamos nos ater aos 6 perfis básicos de sabor que precisam ser lembrados no momento de harmonizar.

  • Acidez;
  • Gorduroso;
  • Amargos (tânico);
  • Salgado;
  • Doce;
  • Álcool.

Comidas mais gordurosas ou doces harmonizam bem com a acidez do vinho. Desta forma, alimentos gordurosos necessitam de que o vinho tenha um teor alcoólico alto, pois senão o vinho terá um gosto flácido.

Vamos pensar agora em vinhos amargos. Eles podem ser equilibrados com comidas doces, uma vez que comidas salgadas não podem competir com a acidez de um vinho. Lembrando que o sal precisa ser usado com modéstia, a fim de que mantenha a nitidez da refeição.

Enfim, o álcool pode ter a finalidade de cortar a gordura da comida, ou dar equilíbrio para um prato doce. Essas primeiras percepções são essenciais para que você aprenda harmonizar vinhos.

Aprenda Harmonizar Vinhos (Técnicas Comuns)

Acidez + Acidez

Um dos fundamentos para que você aprenda harmonizar de forma inteligente é sempre observar pelo equilíbrio entre os elementos. A acidez de um vinho, por exemplo, pode ser combinada com a acidez da comida. 

No entanto, se o vinho for menos ácido do que a comida, ele terá um gosto discrepante em relação ao que deveria ter. 

Para exemplificar ácidos não equilibrados, podemos pensar em uma taça de um vinho oriundo de um clima quente com uma salada de vinagrete.

Doce e Salgado

Digamos que você adora nozes caramelizadas ou caramelos salgados. A harmonização de um vinho doce com pratos salgados tem grandes chances de agradar você. Pense num Gran Amigo Sauvignon Blanc com comidas asiáticas com arroz frito ou macarrão tailandês.

Amargo e Gorduroso

Pratos gordurosos são ideais para serem harmonizados com um vinho bastante tânico. Podendo ser uma bela picanha com um vinho tinto, indicamos os vinhos Toro Negro Carménère e Castillo Del Fogo Carménère.

Ácido e Gorduroso

Até aqui você já pode perceber que para que você aprenda harmonizar vinhos é necessário sempre equilibrar as variáveis. Ou seja, uma taça de Champagne é ideal quando queremos cortar a gordura, pois se trata de uma bebida de alta acidez.

Um vinho branco no molho manteiga, por exemplo, enriquece o prato como um todo. Indicamos aqui o Rapa Nui Sauvignon Blanc e o Paskua Sauvignon Blanc.

Enfim, essas foram as 4 formas de harmonizar vinhos que escolhemos para você. Tudo bem simples, rápido e direto do jeito que prometemos. Acreditamos que passamos as dicas necessárias para que você aprenda a harmonizar vinhos. 

Gostou deste artigo? Venha agora conhecer nossa loja e escolher o vinho adequado para sua primeira harmonização.

Beba com responsabilidade. A venda de bebidas alcoólicas é proibida para menores de 18 anos.
Dirigir sob a influência de álcool configura delito, passível de sanção penal.
Imagens meramente ilustrativas.